Transportar os Bolos

Não estrague a sua venda! Como transportar de forma segura os seus bolos decorados, de aniversário, de casamento e outras festas.

Transportar de Bolo

Ah, eu tenho certeza que você já tremeu na base na hora de transportar seus bolos. Depois de todo o esforço, fica impossível não ter medo. A confeiteira só fica tranquila quando está na mesa, pronto para cortar.

Lógico que a primeira preocupação quando conseguimos uma encomenda é com o bolo, como preparar e decorar dentro do prazo.

E só depois pensamos em como guardar os bolos e transportar Aí é que está o grande erro, já que esse planejamento deve vir antes mesmo de fazer o bolo.

Por isso, hoje vou falar de alguns truques de confeiteira que manterão qualquer bolo intacto por todo o percurso! Vamos lá?

Dica 1: Embalagem

Antes de aceitar uma encomenda, verifique se tem como entregá-la. Assim, antes de começar uma receita, veja se tem embalagem para esse tipo de produto. Veja quais caixas têm à disposição no seu estoque ou se consegue encomendar uma que seja adequada.

Então, nunca faça uma entrega com o bolo descoberto porque é contra toda e qualquer regra básica de higiene. Pois, o risco de sujeiras caírem em cima do bolo é enorme.

Qual tipo de embalagem usar?

Caixas de papelão ou embalagens de acetato de preferência de marcas que trabalham com confeitaria. Já sobre o tamanho, a única regra é comportar o bolo que pretende fazer. Hoje, encontramos até as caixas mais altas sem dificuldade.

Dica 2: Bolo estruturado

O básico da confeitaria é saber quais tipos de massa, recheios e coberturas são ideias, ou seja, como fazer um bolo estruturado.

Veja bem, não é uma questão apenas da escolha da massa. Os recheios como mousses, nhá benta e alguns cremes são muito leves. Se colocar muito peso na cobertura, então: receita certa para desastre.

Os bolos de andares correm ainda mais perigo se levarmos já montados. Então se preferir fazer dessa forma, tenha bastante segurança na estrutura da receita e cubra o bolo. Mas caso não encontre embalagem desse tamanho não vai ter jeito, precisa levar o bolo com as partes separadas.

Dica 3: Cake Board

O cake board, tabuleiro ou prato é a base do bolo, geralmente feito de papelão. Antes de colocar o bolo nesse tabuleiro, passamos um pouco de chocolate, doce de leite ou pasta de amendoim. Assim, o bolo ficará grudado no lugar.

Para que tenha ainda mais segurança, use um cake board que seja o mais próximo do fundo da embalagem, assim terá pouco espaço para escorregar ali dentro. 

Embora esse truque seja ótimo para evitar que “dance” na caixa, pode ser difícil retirar o bolo. Então prefira os modelos de caixas que permitem puxá-lo pela frente, como esse modelo da Loja de Confeitaria!

TODO CUIDADO É POUCO

Confeiteira segura de si é aquela que investe na própria carreira!

Dica 4: Antiderrapante

Outro método muito bom que faz o bolo se manter no lugar é usar forro ou placas antiderrapantes, vendidos por metro ou em peças nas lojas de utilidade doméstica, artesanato e materiais de construção. 

Entre o fundo da caixa e o cake board, assim como, forrando o porta-malas. Esses tapetes antiderrapantes são fáceis de encontrar, mas se não encontrar de jeito algum, use toalhas. Parece um detalhe, mas toda garantia é bem-vinda.

Dica 5: Lugar no carro

Assunto polêmico! Há quem goste de colocar o bolo no banco, outros preferem o porta-malas e temos ainda quem leva na mão.

A princípio transportar nas mãos ou no colo nem sempre são boas opções porque é muito instável. Além disso, o bolo decorado geralmente é muito pesado para carregar todo o trajeto, não é? Já no banco, o maior perigo é da caixa escorregar numa freada brusca ou numa curva.

Sendo assim, a dica é deixar nos lugares mais retos e que menos balancem. Ou seja, no chão do lado do passageiro ou no porta-malas.

Desastres acontecem

Seguindo todas essas dicas, as chances do bolo desmoronar no caminho são mínimas.

Porém, algumas coisas não estão no nosso controle, como paradas bruscas no trânsito ou até alguém esbarrar e derrubar o bolo. Sendo que os imprevistos podem acontecer tanto com a gente, quanto com qualquer entregador que contratamos. E aí? De quem é a culpa?

Como agir quando o cliente se depara com o produto todo revirado e pede reembolso? Veja aqui!

Mas como não podemos prever esse tipo de coisa, sempre leve com você um kit de decoração com tudo que pode usar para um conserto de emergência.

O cliente prefere buscar o bolo?

Se o seu cliente prefere buscar porque não quer pagar a taxa de entrega, tenha algumas coisas bem claras. Seja amigo do cliente, passe a ele todas as orientações acima e mais algumas dicas que funcionem para você. 

Mas também faça uma declaração de responsabilidade por escrito. Assim já garante que quando ele pegou com você o bolo estava nas mais perfeitas condições e não será culpa sua se algo acontecer no trajeto. 

Todo o cuidado é pouco, não é?

Aposto que morre de medo disso: Transportar os seus bolos

Assim como você tem o maior cuidado com seus bolos, tenha também com a sua empresa! Siga o nosso  canal do Youtube e a página do Instagram!

APROVEITE

Novas Aulas e novo material

Aproveite as condições especiais para pagamento e comece a treinar ainda hoje.

Saiba Mais