Melhor feito que perfeito?

Será mesmo? Como contornar umas das ideias mais erradas que ouvimos por aí. Aqui na Escola de Confeitaria você encontra a motivação certa!

Melhor feito que perfeito

Sobre perfeição na cozinha

Você já ouviu a frase: 

“Não precisa estar perfeito, precisa ser feito?” ou “Feito é melhor que perfeito”?

Aqui, na nossa Escola de Confeitaria não é assim que funciona. De fato a perfeição é bem relativa, nem 1% dos confeiteiros chegam a ser os melhores, imagine perfeitos. Afinal há um longo caminho para atingir reconhecimento, mas ficar pensando “isso é o máximo que consigo fazer” é totalmente errado.

Sendo que com esse tipo de pensamento você está colocando um monte de barreiras na sua frente. Porque uma coisa é não ter dinheiro para investir, não ter o melhor espaço ou os utensílios profissionais. Outra bem diferente é achar que essas questões são requisitos básicos de bons cozinheiros. 

Começar de baixo

Então como toda carreira, começamos de baixo e vamos subindo. Ou seja, quanto mais se compara com os outros, mais barreiras coloca no seu próprio caminho. Lembre-se de uma coisa: nós começamos “de baixo” no início, não começamos “por baixo”.

Desse modo começar “por baixo” é achar que só pessoas iluminadas conseguem ter sucesso. Ou ainda, achar que esse sucesso é ganhar muito dinheiro convencendo os clientes de que nosso produto é o melhor.

Quando na verdade é o inverso, o sucesso vem do reconhecimento. Aliás, os nossos produtos devem ser tão bons, tão deliciosos e viciantes que os clientes mal se importarão com os preços.

Motivação para aprender

Entretanto, entendo que muitos colegas usem essas frases querendo incentivar os outros a tomarem uma atitude. Não ficarem pensando que precisam disso ou daquilo, ficar colocando empecilhos antes mesmo de começar. 

Sim, isso faz todo o sentido. Apenas não caiam na ilusão de achar que é melhor ir fazendo de qualquer maneira e ir pegando o jeito. Pois, os erros são frustrantes, nos deixam desanimadas e desistimos.

Nesse sentido, que o professor é mais importante. Já que nas aulas aprendemos técnicas que levam à perfeição e são feitas para dar um espaço seguro, onde você pode errar e não perder credibilidade. 

Visão Certa

Então se coloque no lugar do cliente sempre! Você gostaria de pagar por algo mais ou menos?

“Ah, se valer o custo x benefício ou se não pagar muito caro, tudo bem”.

Você quer ser conhecida por fazer algo razoável? Ou deseja ser uma referência? Nem precisa responder, se chegou aqui é porque quer ser cada vez melhor.

A visão certa é essa mesmo, aprender e aprimorar!

Quando vendemos bolos ou docinhos, vendemos mais do que produtos, estamos oferecendo nossa marca, o nosso trabalho inteiro está ali em cada pedacinho. A marca é você, é a sua história.

Nós trabalhamos com alimentos, com a transformação de ingredientes. Porém, mais do que isso, trabalhamos com a satisfação das pessoas, com momentos bons, sonhos e vontades. 

Quem não tem uma ótima lembrança de aniversário, um dia dos namorados, uma Páscoa ou um Natal sem doces? A confeitaria faz parte de tudo isso e muito mais. Dizer que deve ser “feito” talvez seja muito simples.

Por isso, eu estou tomando a responsabilidade de criar uma rede de apoio com outras companheiras da confeitaria nas redes sociais e nos cursos. Vamos crescer juntas, aprender juntas e fazer disso algo memorável.

Afinal, a confeitaria é muito além de farinha e ovos.

IDEIA ERRADA | Melhor feito que perfeito? | Fuja disso!

Entre lá no Instagram e veja o que as alunas estão fazendo, como já conquistaram muita coisa boa. Vou ficar aqui também no blog e no canal do Youtube dando várias dicas e receitas boas!

APROVEITE

Novas Aulas e novo material

Aproveite as condições especiais para pagamento e comece a treinar ainda hoje.

Saiba Mais