Tipos de Corante

A escolha sobre o corante pode mudar tudo! Entenda quais são as diferenças e como usar cada tipo.

Tipo de Corantes

Já foi comprovado que somos mais atraídos pelos alimentos com cores vibrantes. De fato nós provamos primeiro com os olhos. Portanto, a aparência é fundamental para decidirmos se queremos ou não comer algo. 

Por conta disso, colorir doces e salgados não é mera questão de estética. Então parece óbvio, mas sim, belos produtos influenciam diretamente em suas vendas. 

Aprenda aqui, quais são os tipos de corantes alimentícios e suas aplicações!

Corantes naturaisO primeiro é o corante natural é feito a partir de frutas, legumes, vegetais e alguns poucos de origem animal. Normalmente, os corantes naturais são líquidos, que podem ser reduzidos, ficando mais espessos e com coloração mais intensa.

Hoje, com a popularização de movimentos como o veganismo é possível encontrar diversas receitas fáceis na internet para fazer corantes em casa

Contudo, há alguns cuidados. Na hora de usar esses corantes, preste atenção à consistência e ao sabor que podem ser alterados. Fora isso, os corantes naturais são as opções mais saudáveis para quem quer colorir ou só realçar as cores de massa, coberturas e cremes.

[/fusion_text]

Corante líquido

Já os corantes prontos são mais práticos, entre os tipos de corantes que encontramos no mercado o mais comum é o de corante líquido que se espalha facilmente na mistura. Dessa maneira, os corantes líquidos são perfeitos para colorir massas leves, caldas e bebidas. 

Outra vantagem é que não que alteram o sabor dos alimentos. Entretanto, podem desestabilizar e amolecer algumas receitas, como a de chantilly.

As cores podem ser combinadas ou usadas em trabalhos de pintura artística, deixando seus doces e salgados ainda mais lindos.

A APARÊNCIA É TUDO

Nós provamos primeiro com os olhos!

Corante em pó

Por outro lado, também temos o corante em pó. Além de render muito bem, pode ser usado seco ou diluído em água, álcool ou essências. Sendo assim o corante em pó é muito versátil. No mercado, há as opções de cores sólidas,  como também existem as cores metalizadas, peroladas e brilhantes.

Assim como o corante líquido, não tem sabor. Mas também não altera a consistência, sendo ideal para caldas, sorvetes, merengues, chantilly, massas amanteigadas, biscoitos, macarons etc.

As cores em pó também podem ser misturadas entre si e quando dissolvidas, usadas em trabalhos delicados de pintura. Também podem colorir coberturas mais pesadas como a pasta americana e a pasta de chocolate.

Corante em gel

E o corante em gel, Elô?

Dentre todos os tipos de corantes, o corante em gel é um dos favoritos das confeiteiras, pois é um dos mais econômicos. Por causa de sua composição, com poucas gotas já é possível ver cores intensas. As combinações produzem inúmeras variações de tons, chegando até as cores mais inusitadas. 

Por mais que o corante em gel produza cores vibrantes, não altera a textura ou o sabor. Desse modo são perfeitos para tingir receitas mais sensíveis como glacês, chantilly, buttercream, marshmallows e merengues.

Corante em spray

Sem dúvidas, em questão de praticidade, nenhum supera o corante em spray. Nesse sentido, é ótimo para dar acabamentos em degrade, metalizados e brilhantes nos doces e salgados.

Como já estão prontos para usar, os corantes em spray não possibilitam a mistura de cores. Também deve-se evitar o exagero, pois o acúmulo de produto pode pesar e prejudicar as coberturas.

Além dos prontos, podemos fazer uma versão “caseira” com os corantes em pó diluídos na bombinha, também conhecida como borrifador ou pulverizador de Confeiteiro.

Corante de chocolate

Como o nome diz, esses corantes são próprios para colorir chocolates já que se misturam com a gordura do chocolate e aguentam bem altas temperaturas.

Apesar de existirem corantes de chocolate líquidos, não são recomendados porque são mais difíceis de trabalhar. Sendo assim, os corantes à base de óleo são mais pastosos, alteram a textura deixando o chocolate mais cremoso. Já os em pó alteram quase nada o chocolate, ou seja, muitas vezes são os que mais usamos.

Tipos de Corantes | Qual corante usar?

Primeiro, nós provamos com os olhos. Ou seja, a aparência é fundamental para decidirmos se queremos ou não comer algo. 

Logo, colorir doces e salgados não é mera questão de estética. Belos produtos influenciam diretamente em suas vendas. 

Também não se esqueça de se inscrever lá no nosso canal do YouTube e conheça os cursos da Escola de Confeitaria Eloisa Cola.

APROVEITE

Novas Aulas e novo material

Aproveite as condições especiais para pagamento e comece a treinar ainda hoje.

Saiba Mais