PROVANDO BOLOS NORDESTINOS | Eloisa Cola

Saiba mais sobre os melhores bolos de Pernambuco! Receitas tradicionais e um pouco da confeitaria nordestina para quem não conhece.

Os brasileiros na confeitaria dá muito certo. O bolo de cenoura com cobertura de chocolate é uma das maiores provas. Quem imaginaria que uma massa de legume com chocolate seria tão gostosa?

Não sabe o que fazer para o café da tarde? Faça essa receita de bolo de cenoura fofinho no liquidificador que não terá erro! 

Bolos de Pernambuco

Bolo de Noiva

O bolo de noiva não pode faltar nos casamentos de Pernambuco, símbolo de prosperidade e fertilidade. O bolo de tonalidade escura rouba a cena pela riqueza de sabor. Frutas cristalizadas, ameixa, uva-passa, cacau, açúcar mascavo são os ingredientes que se destacam na boca. 

A massa perfumada, encorpada e umedecida com vinho ou conhaque dura longos anos. Após a cerimônia, os noivos guardam parte do bolo para comer no aniversário de casamento, revivendo os momentos felizes.

A receita é inspirada na tradição inglesa com bolo de massa branca frutas, castanhas e rum. Aqui no Brasil, recebeu as frutas nacionais e o açúcar da cana de Pernambuco. Com características próprias, o bolo de noiva é inesquecível.

Bolo Pé de Moleque

O bolo pé de moleque nordestino é um dos quitutes das festas de São João. Também conhecido como bolo preto, a receita conta muita história. Os povos indígenas da região reinventaram o bolo de especiarias português, tradicional nas festas de casamento e Natal. 

A farinha de mandioca-puba entrou no lugar da farinha de trigo e a castanha de caju substituiu as frutas secas. Para adoçar, um delicioso melaço de rapadura preta. Como se fosse pouco, café, leite de coco, canela, cravo e erva-doce complementam essa receita. 

O bolo pé de moleque é assado na folha de bananeira. Embora seja menos comum, ainda encontramos quem faça dessa forma. A textura da massa difere do que conhecemos como “bolo”, pois não é macio ou muito úmido. 

Bolo de Macaxeira 

Bolo de aipim ou bolo de mandioca é como conhecemos aqui no sudeste. Entretanto, ainda está para inventar uma combinação boa como a macaxeira com o coco nesse bolo, sendo só mais uma das maravilhas de Pernambuco. 

A receita é simples: acrescenta-se leite de coco, ovos, manteiga, açúcar e sal à macaxeira ralada e peneirada. Quando tudo estiver bem misturado, a massa vai ao forno. Assim que assar, polvilhe coco ralado para finalizar.

O bolo de macaxeira com coco é uma ótima opção para os intolerantes ou alérgicos ao glúten já que não leva farinha de trigo. Uma receita muito gostosa que acompanha muito bem um cafezinho recém-passado. 

Bolo de Rolo

É impossível passar por Pernambuco sem provar o bolo de rolo, patrimônio cultural do estado e orgulho nacional. Várias massas enroladas com recheio de goiabada cremosa não tem como dar errado, não é? 

Ovos, farinha de trigo, açúcar e manteiga. Quando lemos a receita parece simples. Só quem se aventurou a preparar um bolo de rolo sabe como é difícil chegar na textura macia e estrutura maleável, ideal para enrolar. Além da espessura fina que às vezes não ultrapassa 2 milímetro de altura.

Os pernambucanos colocam muita dedicação e carinho nos bolos de rolo. O resultado não poderia ser menos incrível. Por mais que a gente de fora tente fazer a receita, nunca sai igual. É preciso extremo cuidado com a proporção dos ingredientes, a composição de sabor e o tempo de forno.

Se você ainda não experimentou, precisa ir agora para Pernambuco!

PROVEI BOLOS DE PERNAMBUCO, O ÚLTIMO É O MELHOR!

Encontre mais técnicas e dicas sobre negócios de confeitaria aqui no blog!

APROVEITE

Novas Aulas e novo material

Aproveite as condições especiais para pagamento e comece a treinar ainda hoje.

Saiba Mais